Como dizia o Pinhas à dias: Hospital de Seia, foi inaugurado para Inglês ver que o Português está farto.

Seia, Guarda, 04 Set (Lusa) - O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) denunciou hoje que no dia a seguir à inauguração do novo hospital de Seia foram "retiradas algumas camas" da unidade de cuidados continuados, situação que está a causar a "indignação" dos profissionais de saúde.

O novo hospital foi inaugurado na passada segunda-feira pela ministra da Saúde, Ana Jorge, representando um investimento de cerca de 7,5 milhões de euros e vai servir 50 mil habitantes daquela região.
Segundo o dirigente do SEP na Guarda, Honorato Robalo, a empresa que cedeu as camas para equipar a unidade de cuidados continuados integrados "não tinha disponibilidade de entrega" e, no dia a seguir à inauguração, "foi lá buscar uma parte delas". O dirigente sindical não precisou o número exacto de camas.
Já o presidente da câmara de Seia, Eduardo Brito, disse à Lusa que "foram retiradas seis camas porque houve um engano no fornecimento, não era aquela referência que tinha sido pedida".
O autarca garante que "no dia 15 de Setembro todas as camas serão repostas". A unidade de cuidados continuados integrados tem uma capacidade total para 70 camas.
Para o sindicalista do SEP, "é de lamentar que havendo uma visita ministerial para implementar novos serviços, os mesmos não estejam apetrechados por meios técnicos e humanos", o que mostra que "estão a inaugurar os equipamentos à pressa, com intenções puramente eleitoralistas".

in Expresso;
e http://www.guarda.pt/noticias/actualidade/Paginas/camasretiradasseia.aspx


Mesmo a passar um fim-de-semana, novamente, em Unhais na Serra no H2OTEL, (fotos em breve), não pude deixar de ficar indignado com o que estão a fazer ao nosso hospital.

Como eu já dizia à dias neste meu post:
«Não sabia se com equipamento ou sem ele.»
Pelos vistos sem ele. Porque existem duas versões diferentes, em relação à falta de equipamento.
Parece que também tem falta de pessoal, depois vem a Sra Ministra chamar mentirosos à população da Guarda e de Seia: «Custa-me acreditar que seja assim. Aquilo que se diz muitas vezes lá por Seia e pela Guarda não corresponde à verdade».

Então que explique o que se passou, já que somos mentirosos!

Mensagens populares deste blogue

PEREGRINAÇÃO / caminhada a FÁTIMA...

IV Caminhada Solidária Bombeiros Voluntários de Seia - 25/09/2016

Rota do Pastoreio & Rota da Garganta de Loriga... Rota das Aldeias de Montanha! #serradaestrela #aldeiasdemontanha