Caso da cegueira - Inquérito interno do Santa Maria foi inconclusivo, diz director clínico!

O Hospital de Santa Maria já concluiu o seu inquérito interno ao caso dos seis doentes que perderam a visão depois de receberem injecções nos olhos, mas não terá apurado o que aconteceu.

Segundo Manuel Barbosa, director clínico em exercício do hospital, em conferência de imprensa hoje, esse inquérito não permitiu apurar o que aconteceu de errado naquele dia, por exemplo se houve troca de medicamentos.

“Tudo o que se passou foi reconstituído. Perguntámos a médicos, enfermeiros, farmacêuticos, auxiliares. Mas isso não nos deu grande explicação.”

in Publico - http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1395166&idCanal=62



Como já vem sendo hábito. Neste país, quase todos os inquéritos, chegam a lado nenhum.
A culpa não foi dos médicos, nem dos enfermeiros, os farmacêuticos também não viram nada até as auxiliares foram interrogadas. Será que elas, agora, também tratam dos doentes.
Faz lembrar a queda da Ponte Entre-os-Rios. Ninguém viu, ninguém fez, ninguém sabe. A culpa foi das vitimas que não deveriam estar a passar naquele momento.

Neste caso, só falta acusar os doentes de difamação.
Porque se ninguém fez nada errado. Então os doentes não estão cegos, devem ser só efeitos secundários da operação.

É o país que temos, ou que merecemos.
Eu penso, que merecíamos, um pouco melhor.

Mensagens populares deste blogue

PEREGRINAÇÃO / caminhada a FÁTIMA...

IV Caminhada Solidária Bombeiros Voluntários de Seia - 25/09/2016